Pesquisar neste blog:

terça-feira, 5 de abril de 2011

PEDAGOGIA DA LÁGRIMA!



Sei que na nossa vida não há apenas vitórias. Acontecem fracassos e derrotas, além de muitas decepções. Mas não podemos pensar que as nossas lágrimas descem a toa. Não! É natural do ser humano chorar. O próprio Jesus chorou quando Lázaro morreu e quando chegou a Jerusalém e viu a maldade que os homens fizeram para com os profetas de Deus no Antigo Testamento. Antes de sua paixão, chorou lágrimas de sangue no Monte das Oliveiras e foi consolado por um anjo.
Podemos sim chorar. Derramar as nossas lágrimas. Berrar. Expor os nossos gemidos inexprimíveis. Mas, diante de Deus que conhece as intenções do nosso coração e lê o nosso olhar com nossas lágrimas que falam mais que palavras. Às vezes os problemas e dificuldades chegam, as lágrimas começam a descer dos nossos olhos e o desespero começa a agir. Mas, não há do que temer! O que importa é que podemos aprender com as aflições e sermos melhores. Há um Deus que não está distante de nós: Ele enxuga as nossas lágrimas e segura firme na nossa mão. Então podemos levantar, seguir em frente e sermos vitoriosos. Não nascemos para perder. As nossas derrotas podem ser vitórias em Deus, que sabe o que é melhor para nós. Quando afirmei que “não nascemos para perder” não me referi do nosso ponto de vista, mas do desejo e carinho que Deus tem para conosco. Não vale a pena desistir! Não vale a pena ficar triste! Mas chorar diante de Deus é a poesia que ainda não foi escrita e o soneto que ainda não foi declamado! Quando não temos mais pernas para andar, Ele nos dá asas para voar bem alto e lá no alto, os nossos olhos contemplam a vitória que Deus tem para nós e que já está a caminho.
As lágrimas dos filhos de Deus não escorrem pelo rosto e caem no chão. Não! Elas são preciosas e valiosas demais. O ouro e a prata nem sequer chegam próximos do valor que elas têm. Até por que, o ouro e a prata podem ser roubados, mas as nossas lágrimas não, pois elas são enxugadas pelo Deus que nos consola por nos amar! Na verdade, quando choramos, Deus envia um anjo para acolher essas lágrimas e ao chegar aos céus, Deus as aguarda no seu trono. Elas sobem em destino ao trono de Deus! Lá, Deus começa a ler de uma por uma. Não é perca de tempo para Deus, porque Ele nos ama incondicionalmente e tem saudade de nós.
Quanto ao hábito de chorarmos, a questão não é o fato de derramarmos lágrimas. A questão não é berrarmos muito e pensarmos que somos infantis. Não! A questão, é ter quem as enxugue! E Esse é Deus: Aquele que criou os céus, a terra e o mar, e tudo o que neles existe, é capaz de enxugar as nossas lágrimas e lê-las de uma por uma. Sabe por que Deus tem a capacidade de ler as nossas lágrimas e nos entender? Por que o nosso Deus tornou-se homem e quando esteve nesta terra, em várias circunstâncias derramou lágrimas. Ele teve a experiência do que Ele mesmo fez para os seres humanos: as lágrimas e gemidos.
Há vários tipos de lágrimas e motivos pelas quais elas descem dos nossos olhos. Existem lágrimas que curam, há aquelas que nos santificam, existem lágrimas que são clamores, há aquelas que são louvores, existem lágrimas que profetizam, há lágrimas que revogam maldições, também têm lágrimas que são expressão das decepções das pessoas das quais mais amamos, existem lágrimas que são de felicidade, há lágrimas que são de esperança, há aquelas de temor, há também lágrimas de saudade e dor... Mas só há um médico que pode diagnosticar as nossas lágrimas e medicá-las corretamente: É o Senhor Jesus, o médico das lágrimas.
Se choramos não é por que somos fracos, mas por que amamos. Afinal de contas, quem tem o direito de criticar aquele que chora, se as orações mais lindas e sinceras partem das nossas lágrimas, manancial de pedidos derramados, que muitas vezes nossa voz não tem a coragem de clamar? Mas o que importa é que o nosso Deus nos entende e nunca nos decepciona! Por Ele sim, podemos lutar, não desistir, sermos maltratados pelas pessoas deste mundo por sua causa, esperar, confiar ao extremo, amar seguramente com perseverança pelo que Ele é e não pelo que Ele faz, e projetar um futuro com o Senhor: esperar a sua volta gloriosa que nos arrancará deste vale de lágrimas para um ambiente eterno e um lindo paraíso: o céu! Um dia as nossas lágrimas cessarão e delas não teremos saudade e nem haverá lembrança. Os céus e a terra passarão, juntamente com as lágrimas. Mas o amor de Deus por nós é eterno, jamais passará! O que está então esperando? Acolha Jesus na tua vida e no teu coração!
Cássio José: cassiouab@hotmail.com                      

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Total de visualizações de página