Pesquisar neste blog:

quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

OS CARISMAS DO ESPÍRITO SANTO: ALGUMAS CONSIDERAÇÕES!




Por Cássio José
Membro da Renovação Carismática Católica de Camocim
E da Catequese
Grupo de Oração: Renascer


            Os Carismas ou Dons do Espírito Santo são manifestações do Poder de Deus para um determinado grupo de pessoas em momentos de Oração. Atos 2 é a passagem clássica junto com I Cor 12, que é uma espécie de Manual (as duais passagens juntas) para que possamos usar de bom proveito e de maneira mais adequada, os Carismas do Espírito Santo.


            Pelo que se observa na Bíblia Sagrada, Corinto era a comunidade que mais vivenciava os carismas do Espírito Santo. Prova disso, é que a única epístola em que se tem uma “lista” dos Dons do Espírito Santo é a que é destinada à comunidade de Corinto (I Cor 12). 
           
Só pra nos lembrar, esses são os 9 (nove) Carismas do Espírito Santo, lista convencional, que está em I Cor 12, 8-10:

  • PALAVRA DE SABEDORIA OU DOM DE SABEDORIA;
  • PALAVRA DE CONHECIMENTO OU CIÊNCIA;
  • FÉ;
  • DONS DE CURA;
  • PODER DE FAZER MILAGRES;
  • PALAVRA DE PROFECIA OU DOM DE PROFECIA;
  • DISCERNIMENTO DOS ESPÍRITOS;
  • DIVERSIDADE DE LÍNGUAS;
  • INTERPRETAÇÃO DAS LÍNGUAS.

Porém, não podemos nos esquecer de que os Dons ou Carismas do Espírito Santo são manifestações do poder de Deus, através do Espírito Santo, ministrados por servos batizados no Espírito, para que se manifeste a ação operacional do Senhor. Não é obrigatoriamente necessário dizer que, somente esses nove dons acima, são os únicos Carismas do Espírito Santo, ou diria eu, a única maneira em que o Espírito Santo quer manifestar o poder de Deus. Basta lermos Jl 3,1-2 e Mc 16,15-18 para percebermos que Deus age de outras maneiras. Existe na verdade, outras diversas maneiras que o Senhor tem para se manifestar: É Ele quem age do jeito, maneira e como quiser. Ninguém pode engaiolar o poder de Deus.
Alguns pontos, no entanto, devemos tomar cuidado para que deixemos de fato a ação poderosa do Espírito Santo se ministrar e não a nossa carne:

NÃO EXISTE CULTURA DE MERECIMENTO PARA OS CARISMAS DO ESPÍRITO SANTO OU ADESÃO DOS CARISMAS SOMENTE PARA OS SANTOS:

Algumas pessoas podem muito bem cair nesse erro. Achando-se que se é um pecador ou por causa de suas falhas, sua vida de erros do passado, pode muito bem pensar que não nunca será usado por Deus. Não é bem assim! Seria um equívoco tal afirmação. Prova disso, é que o evangelista Mateus era um coletor de impostos e foi chamado por Jesus. Após tal ato, se converteu e passou a ser um poderoso instrumento de Deus para a conversão de muitas almas. Esse, é apenas um, de milhares de exemplos bíblicos, o que não diminui os de hoje.
Diante de Deus todos nós somos iguais e Ele pode muito bem usar quem ele quiser, do jeito que quiser e na hora em que ele quiser:

Então, o Senhor abriu a boca da jumenta, que disse a Balaão: “Que te fiz eu? Por que me bateste três vezes?
(Números 22,28)
O Senhor teve o poder de usar de uma jumenta para falar com Balaão! Nós, filhos amados do Senhor, somos mais importantes do que os animais. Por isso que Deus tem a capacidade para usar quem ele quiser. Ninguém pode se achar o melhor ou o pior. Todos são iguais diante de Deus, sem acepção de ninguém.
Não é por que tem ali o coordenador ou o pregador que somente eles têm a capacidade de se deixarem serem conduzidos pelo Espírito Santo. Tais pensamentos muitas vezes, “engaiolam” a ação do Espírito e prejudica a caminhada dos filhos de Deus que querem ser usados como servos nas mãos do Senhor.
Além do mais, criou-se isso na sociedade desde cedo. “Maria, se você tirar um 10 na prova e passar de ano, você vai ganhar uma bicicleta!
Isso é cultura cultivada desde muito cedo. Porém, como já foi dito aqui, não existe cultura de merecimento para os Carismas do Espírito Santo, bem como para toda a ação de Deus. Alguns podem pensar que na RCC, existe a “elite dos usados por Deus através das manifestações dos Carismas.” Isso, é puro engano e deve ser rompido o mais rápido possível para que as pessoas se convertam logo ao Senhor enquanto Ele ainda não volta. Ele está muito próximo de voltar.

O OBJETIVO DOS CARISMAS DO ESPÍRITO SANTO É PARA O BEM COMUM DA ASSEMBLÉIA:

Foi o que narrou Paulo no v. 7 de I Cor 12. Muitos “carismáticos” se colocam como os tais só por que profetizam, oram em línguas estranhas, cantam em línguas, são usados por Deus para realização de curas e milagres...
A manifestação do Poder de Deus tem como finalidade, sobretudo, o bem comum de todos. Se não for assim, nunca serão “Dons ou Carismas” do Espírito Santo. Infelizmente, temos no nosso meio, pessoas que se colocam por trás de “status carismáticos”. Aí já se constitui orgulho e vaidade. Manuseiam os Carismas para proveito próprio em busca de nome, status, estrelismo...

Muitos grupos de Oração não crescem por conterem em seu meio, com servos que praticam tais atos. Isso não é bom. Barram a ação de Deus que não se curva a tais corações vaidosos, orgulhosos. Não deveriam ser chamados de RCC e sim de um outro tipo de grupo. Além do mais, que deve ministrar e conduzir todo o momento de Oração é o próprio Espírito Santo que usa de dirigentes, mas que age do jeito que quer.
              
            Por fim, quero concluir esse pequeno ensaio, afirmando que a Obediência a Deus, a humildade e sinceridade de coração, a humilhação da alma ao Senhor conta muito para que Deus manifeste poderosamente o seu querer ali nos momentos de manifestação dos Carismas do Espírito Santo. Como orientação, deixo os capítulos de I Cor 12, 13 e 14 para serem lidos e orados para serem manuais de condução dos Carismas ou Dons do Espírito Santo.

NÃO TER MEDO DO ESPÍRITO DE DEUS! SER OUSADO NO ESPÍRITO E USADO PELO ESPÍRITO SANTO!

Analisamos nos Grupo de Oração um tremendo medo de Deus e do Espírito por parte de muitos servos! O nosso Deus não é um Deus de medo e de frieza! Devemos nos colocar como verdadeiros instrumentos seus para resgatar vidas.
O Grupo de Oração tem que ser uma poderosíssima atualização de Atos 2. Caso contrário, não é Grupo de Oração. Devemos estar em Oração, não romper a unidade, clamarmos o Espírito Santo e perceber a prática dos Carismas de Deus. Atos 2,4 nos afirma que TODOS ficaram CHEIOS do Espírito Santo. Não foram alguns, mas todos. Deus não desejou excluir ninguém do seu poder. Hoje o Espírito Santo está sendo derramado poderosamente sobre todos os seres vivos (Jl 3, 1-2) para tornarem-se filhos de Deus (Jo 1, 12-13; Rm 8,14). A primeira pregação de Pedro converteu 3 mil pessoas (At 2, 41),  que para a época, era um número considerável.
E as pregações dos Grupos de hoje? Cadê o acréscimo de pessoas que o Senhor está conquistando para unirem-se com os demais irmãos salvos (At 2,47)? E os milagres, prodígios e sinais que testificam a ação de Deus?
Temos muitos servos medrosos! Não deveria ser assim. Na Oração deveríamos impactar as pessoas e os lugares por onde estamos. E as visões, revelações, repousos, quebrantamentos de coração, libertações de Deus... deveriam ser tremendas em todos os Grupos e não apenas nos Congressos ou eventos diversos. O Grupo de Oração deveria ser um verdadeiro poderosíssimo Congresso Semanal!
  
  “Por quanto, não recebestes um espírito de escravidão para viverdes ainda no temor, mas recebestes um espírito de adoção pelo qual chamamos: Aba, pai!”

(Romanos 8,15)

Paulo foi um poderoso servo de Deus no ministério da Palavra. Seus lenços curavam os enfermos e Pedro com sua sombra curava muitos doentes. Hoje, através do Espírito de Deus, nós temos que ultrapassar, nessa geração, a ação de Deus para as pessoas:

“Em verdade, me verdade vos digo: aquele que crê em mim, fará as obras que eu faço e fará ainda maiores do que estas, por que vou para junto do Pai”.  (João 14,12)

 Não pode podemos esquivar a ação de Deus que quer nos usar. E sim, sermos usados pelo Espírito Santo e ousados no Espírito Santo!
Sendo mais íntimos de Deus, jejuando e confessando os nossos pecados, arrependendo-nos cotidianamente para sermos testemunhas do Cristo Ressuscitado, veremos a poderosa ação do Espírito Santo na nossa vida. Seremos o cajado de Deus para que muitos desconhecedores da Palavra de Deus se convertam e sejam introduzidos no Reino dos céus!  


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Total de visualizações de página