Pesquisar neste blog:

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

MÚSICAS ESCATOLÓGICAS NO SEIO CATÓLICO:


Por Cássio José*
Membro da RCC e da Catequese
Grupo de Oração: Renascer

Toda igreja cristã aceita, sem haver dúvidas, a Vinda Gloriosa de Jesus Cristo. Retomando ainda a música Renda-se, observa-se que o autor musical certamente pegou vários trechos bíblicos e foi “costurando”, constituindo assim, a sua letra musical sob a ação do Espírito.


Em antiga música de Walmir Alencar, quando o cantor fazia parte da banda Vida Reluz, sob o título, Pisará nosso chão, no CD “Celebra a vitória”, certamente os mais antigos da RCC, sobretudo os ministros de música, lembrarão dessa música! -, percebemos que já nos primórdios de sua caminhada, havia um desejo, de Walmir Alencar, em anunciar o retorno de Jesus:

 Quando chegar o dia escolhido por Deus/ se abrirão as cortinas que revestem o céu/ e num cortejo de luz do alto os anjos virão até nós/ revestidos de sol unidos numa só voz/ Eis que a terra será tomada por grande luz/ e os olhos dos homens se abrirão para ver/ se cumprir a promessa, a palavra que um dia se ouviu/ que o Senhor voltaria no dia final/ E banhado de luz vem o Filho do homem/ descerá até nós/ pisará nosso chão sofrido/ julgará o coração/ da humanidade/ com misericórdia/
Eis que trago nas mãos este recado de Deus/ prepara o teu coração/ apressar-te ao voltar/ não sabemos o dia/ é preciso vigiar e orar/ só temos uma certeza: Jesus voltará!
E banhado de luz vem o Filho do homem/ descerá até nós/ pisará nosso chão sofrido/ julgará o coração/ da humanidade/ com misericórdia/

Poderíamos traçar até mesmo uma linha de estudo escatológico e comprová-lo através da Sagrada Escritura do que aqui é cantado por Walmir Alencar:

Ø  O dia escolhido por Deus vai chegar (o Dia do julgamento): II Pd 3,10.
Ø  Os anjos (antecipadamente prepararão e) anunciarão a Sua Vinda: Mt 25,31; I Ts 4,16.
Ø  A Promessa da Chegada de Cristo vai se cumprir: II Pd 3, 9.
Ø  Todos os olhos vão ver o Filho do Homem descer com poder e glória nesse Dia de Deus: Ap 1,7
Ø  Haverá o julgamento de toda a humanidade: Mt 25, 31-46; Ap 20,11-15
Ø  Devemos nos preparar com vigilância e oração: Lc 21,36.
Ø  O dia e a hora não sabemos: Mt 24,36.44   

 Em homenagem ao Papa João Paulo II, novamente Walmir Alencar traz em sua música Tu és Pedro, desta vez no CD: Misericórdia Infinita, característica escatológica em suas composições musicais:

Sei que teu silêncio faz mover os corações/ silêncio de profeta fala mais que mil canções/ todo chão que recebeu teu beijo e teu andar/ vive em santa espera por Aquele que virá/ canta forte a humanidade/ aos ouvidos de Deus chega a sua voz/ dando graças por ti João Paulo/ pela paz semeada entre nós/
Pra sempre cantarei/ as maravilha que Deus realizou em ti/ tu és Pedro/ fundamento da paz/ pedra que não se quebrou/ homem que não se curvou/ és em Cristo nosso bom pastor/
Pra sempre cantarei as maravilhas que Deus realizou em nós/ pela força/ do teu jeito de amar/ pedra que se enterneceu/ homem que aponta o céu/ sim, tua saudade deixará.

            Podemos ver aqui todo um respeito e reconhecimento que todo católico deveria ter para com o Papa.
Uma música mundana é capaz de por à perder uma pessoa no ensino de doutrinas erradas, contrárias a de Jesus e da Igreja! Uma canção belíssima como essa - que foi criada através do mover do Espírito Santo! - é capaz de ensinar a doutrina ensinada pelo magistério da Igreja e trazer pessoas afastadas para colo de Deus! . 
A banda Católica, Anjos de Resgate, também anuncia a volta de Jesus e de seu reinado de amor com a música: Glórias ao Rei Jesus! Observe:
           
Um grito pela paz/ recoa pelo ar: Glórias ao Rei Jesus!/ ensinado corações/O milagre de amar: Glórias ao Rei Jesus/ (Bis)
Até as nuvens que passam no ar/ irão se alegrar/ pois sobre elas/ Jesus nosso rei/ em sua glória virá!
oh aleluia,aleluia/ Deus é nosso Rei. Aleluia!/ Glória ao nosso Deus
Glórias ao Rei Jesus/ Santo dos santos!/ o seu amor reinará. Aleluia!
É tempo de orar/ e juntos vamos dar/: Glórias ao Rei Jesus!/
E desce sobre nós/ com júbilo e paz:/ Glórias ao Rei Jesus!
           
No CD: Um só coração, dessa mesma banda, encontramos a música Exaltado entre as nações, faixa 07. Mais uma vez Anjos de Resgate anuncia Vinda Gloriosa de Jesus. Veja a canção abaixo:

Glória!/ Todas as nações cantem vitória/ Pois Deus está por vir em sua glória/ A terra tremerá/ O mundo inteiro se prostrará a ti/ Cantando glória ao Deus que é comunhão oh corpo e sangue de Jesus cantemos/
Aleluia! Adorado em canções/ Aleluia!/ Exaltado entre as nações/Aleluia!/ Honra e glória a ti meu rei/ Pelos séculos dos séculos/ Amém!

A missionária e cantora da Comunidade Canção Nova, Salete Ferreira, no CD Tudo Passa, traz duais canções que apontam para a Vinda de Jesus. As músicas são: Tudo passa e Por entre aclamações:

Tudo passa/ Tudo passa/ Tudo vai passar/ Só não muda o amor de Deus que é Pai/ Nem a morte nem a dor nem a solidão pode superar o amor de Deus por mim/
Só Deus não passará/ Só Deus permanecerá/ Só Deus/ Seu amor que vive em mim/
Só Deus não passará/ Só Deus permanecerá/ Só Deus/ Ele voltará
Oh Senhor teu corpo e sangue/ Minha redenção/ Aliança por toda a eternidade/ vem agora oh meu Deus tomar o meu coração/ Pois sem ti nada posso realizar/
Só Deus não passará/ Só Deus permanecerá/ Só Deus/ Seu amor que vive em mim/
Só Deus não passará/ Só Deus permanecerá/ Só Deus/ Ele voltará

[Música “Tudo Passa” de Salete Ferreira. CD: Tudo Passa]

Por entre aclamações o Senhor ressuscitou/ O Senhor ressurgiu ao toque da trombeta/
Adoremos a Deus/ Louvores/ Por entre aclamações Ele virá/
Por entre aclamações o Senhor se elevou/ O Senhor subiu ao toque da trombeta/ 
Adoremos a Deus/ Louvores/ Por entre aclamações Ele virá/
Por entre aclamações o Espírito se derramou/ O senhor renova a face da terra/
Adoremos a Deus/ Louvores/ Por entre aclamações Ele virá/
Por entre aclamações o Senhor retornará/ O Senhor virá ao toque da trombeta/ Com os anos com os santos/ com a virgem mãe de Deus/ Renderemos louvores àquele que venceu/
Adoremos a Deus/ Louvores/ Por entre aclamações Ele virá/

[Música: Por entre aclamações de Salete Ferreira do mesmo CD]

A ministra de música, chamada Adriana, muito conceituada no público católico e que inclusive, cantou para o Papa Bento XVI com um outro cantor da RCC do Brasil, Eugênio Jorge, nos diz em uma de suas belas músicas, intitulada “Nova Jerusalém”:

Sei que Jesus voltará/ Mas não me pergunte: “Quando será?”/ Eu só sei dizer/ Que quando isso acontecer/ Eu irei sim para o céu/ Céu, um céu de luz/ Pra Nova Jerusalém/ Encontrar-me com o Rei/ Eu vou, vou adorar/ Aquele que deu-me a eterna Salvação /
Sei que esse dia será/ motivo de grande alegria/ pois os que se entregam a Jesus de corpo e alma irão subir/ para a glória eterna/ ...  
Enquanto ele não voltar/ eu vou viver mais e mais/ como quem espera o Salvador/ que virá/ Sim, virá!/ E me levará/ e te levará para o céu...

Olha que espetáculo! Essa letra é doutrinal e escatológica ao mesmo tempo! Doutrinal, por que ensina algo bíblico e lindíssimo, por se tratar de uma esperança dos cristãos: A volta de Jesus e nossa moradia eterna no céu, a Nova Jerusalém. E isso, foi o mover da vida da Igreja Primitiva: Eles ansiavam para que Jesus voltasse logo. E escatológica, por que essa doutrina/catequese/ensinamento, diz respeito a ensinamentos dos últimos tempos, evidenciando a Segunda Vinda de Cristo.
Poderíamos fazer uma análise bem aprofundada da música, como por exemplo: No céu, encontraremos com o nosso Rei para adorá-lo, isso acontecerá na Nova Jerusalém que descerá do céu (Ap 21, 1-9), irão subir somente os que se entregarem ao Senhor Jesus de corpo e alma...
Entretanto, como essa música não é o nosso único objeto de estudo, analisaremos aqui apenas três pontos fundamentais: Jesus voltará? Quando? Qual deve será a nossa postura, nesta terra, enquanto ele não volta?
Pros que desejam aprender sobre a Vinda de Jesus, ela é simplesmente, perfeita, muito embora, deva ser aprofundada! Mas quanto ao meio que foi usado, a música, ela comporta um verdadeiro estudo escatológico.
Veja: a ministra católica já chega afirmando, já no início da música, na primeira frase, seguramente, que Sabe - por tanto tem convicção! - que Jesus voltará!
Só aqui, ela já repreende todas as afirmações falsas e satânicas dos que, também nos dias de hoje, afirmam que Jesus está tardando, afirmando sendo vã e falsa a sua promessa de que virá outra vez. Observe que a Palavra de Deus já atentava para isso:

“O Senhor não retarda o cumprimento de sua promessa, como alguns pensam, mas usa de paciência para conosco. Não quer que ninguém pereça, ao contrário, quer que todos se arrependam”.
(II Pd 3, 9)

Sabei antes de tudo o seguinte: nos últimos tempos virão escarnecedores cheios de zombaria, que viverão segundo as suas próprias concupiscências. Eles dirão: Onde está a promessa de sua vinda? Desde que nossos pais morreram, tudo continua como desde o princípio do mundo.”
(II Pd 3, 3-4).

Essa deve ser a nossa convicção: Jesus, de fato, voltará! Leia:

Na casa de meu Pai há muitas moradas. Não fora assim, e eu vos teria dito; pois vou preparar-vos um lugar. Depois de ir e vos ter preparado um lugar, voltarei e vos levarei comigo, para que, onde eu estou, também vós estejais”.

(João 14, 2-3)

Será que Jesus estava brincando? É, por acaso, uma promessa que não concretizará em cumprimento? Muitos, hoje, pensam e ensinam isso! Coitados! Serão pegues de surpresa, não por culpa do Senhor e de sua Igreja, quando o Dia Final chegar. Quanto a nós, os que aguardam a volta de Jesus, será motivo de muita alegria.
Uma segunda afirmação espetacular é que ela reconhece, e não tem medo de afirmar isso, por ser uma revelação bíblica, a seguinte certeza: Não sabemos nem o dia, nem a hora!

.../Mas não me pergunte: Quando será?/

Isso, no entanto, tem sido um meio fortíssimo para que muitas pessoas sejam conduzidas ao erro.
Uma profecia acerca do acabamento do mundo foi por água abaixo por uma seita formada por 15 pessoas e liderada por uma doméstica chamada de Michigan, Marion Keech, que segundo ela, extraterrestres afirmaram pra eles que o mundo ia se acabar no dia 21 de dezembro de 1954 com uma inundação. Eles esperavam então o resgate de uma nave espacial que viria buscá-los para que eles não sofressem com o fim do mundo por meio da grande inundação. O fato é que nesse dia após esperarem 5 horas e nada de inundação chegar e nem sinal algum acontecer, Marion foi contactada por extraterrestres que afirmaram uma novidade: o grupo ali reunido, com poder de sua crença, espalhara tanta luz que Deus cancelara a destruição do mundo.
Percebemos aí uma grande ilusão do homem que escuta tudo e todos, menos a Palavra de Deus!
Uma reportagem publicada pela revista Veja, no mês de novembro de 2009, nos mostra várias profecias acerca do fim do mundo, anunciadas por algumas pessoas, e que, não aconteceram. Vejamos algumas pra nossa reflexão:
   
ü  1524 – QUEM E O PREVIU:
Astrólogos previram que o fim do mundo começaria com uma inundação em Londres no dia 1 de Fevereiro.
O QUE ACONTECEU:
No dia, nem chuvisco. Disseram que houve um erro de cálculo de 100 anos. O fim do mundo seria em 1624

ü  1533 – QUEM E O QUE PREVIU:
Melchior Hoffmann, profeta anabatista, previu que, um milênio e meio depois da morte de Cristo, o mundo seria consumido em chamas.
O QUE ACONTECEU:
Foi preso e morreu na cadeia.

ü  1537 – QUEM E O QUE PREVIU:
O astrólogo francês Pierre Turrel achou quatro datas para o fim do mundo: 1537, 1544, 1801 e 1814.
O QUE ACONTECEU:
Nunca se viu notícias de alguém que tenha errado mais.

ü  1648 – QUEM E O QUE PREVIU:
  O judeu Sabbatai descobriu que ele mesmo era o Messias e viria em 1648.
O QUE ACONTECEU:
Mudou a data para 1666. Preso, converteu-se ao islamismo.

ü  1736 – QUEM E O QUE PREVIU:
O teólogo inglês William Wilson previu que o fim seria em Londres em 13 de Outubro. O rio Tâmisa ficou atulhado de barcos para fugir da inundação.
O QUE ACONTECEU:
De novo, nem choveu.

ü  1843 – QUEM E O QUE PREVIU:
O adventista William Miller anunciou o Apocalipse para 3 de abril, depois 3 de julho, depois 21 de março de 1844, e por fim, 22 de outubro.
O QUE ACONTECEU:
Viveu para ver todos esses erros. Morreu 5 anos depois do fracasso da previsão do último fracasso.

ü  1881 - QUEM E O QUE PREVIU:
Egiptólogos preveram o começo do fim do mundo para 1881.
O QUE ACONTECEU:
Realizaram as contas, e deu 1936. Refizeram-nas outra vez, e deu 1953.  

ü  1914 – QUEM E O QUE PREVIU:
Testemunhas de Jeová esperavam o fim do mundo para 1914. Fracassaram na previram e apontaram o fim do mundo para 1974.
O QUE ACONTECEU:
Fracassou também a previsão futura para 1975.

De fato, a própria Palavra de Deus nos assegura que o dia e a hora ninguém sabe, exceto o Pai. Devemos assim está diariamente vigiando:

Vigiai, portanto, pois não sabeis em que dia virá o vosso Senhor”. (Mt 24, 42)

Vigiai, pois visto que não sabeis quando o Senhor da casa voltará, se a tarde, se a meia-noite, se ao cantar do galo, se pela manhã, para que, vindo de repente, não vos encontre dormindo. O que vos digo, digo a todos: vigiai” (Mc 13, 35-37).

Vigiai pois, em todo o tempo, orando, para que possais escapar de todas essas coisas que hão de acontecer, e estar em pé na presença do Filho do homem” (Lc 21, 36).

Santo Agostinho, Bispo e Doutor da Igreja, já no século V, exortava os cristãos quanto aos que receiam a Segunda Vinda de Cristo:

“Quem não tem inquietação aguarda a segunda vinda de seu Senhor. Pois que amor a Cristo é esse que teme a sua chegada? Irmãos, não nos envergonhemos! Amamos e temos medo de sua vinda. Será que amamos? Ou amamos muito mais nossos pecados? Odiemos, por tanto, estes mesmos pecados e amemos aquele que virá castigar os pecados. Ele virá, quer queiramos, quer não. Se ainda não veio, não quer dizer que não virá. Virá em hora que não sabes; se te encontrar preparado, não haverá importância não saberes”.
 [Do livro Alimento Sólido, professor Felipe Aquino, pág. 61]

Muitas pessoas têm medo quando se fala da Vinda de Jesus não simplesmente por ter medo pelo medo em si. Mas por que sabem que Jesus virá buscar os seus santos. E como eles estão numa vida mergulhada no pecado, sem quererem sair dela, temem serem julgados.
Olha que ensinamentos, essa simples e singela música, está nos ensinando! Mas não pára por aqui. Além de afirmar que primeiro: “Jesus voltará!”, e segundo: “Que não se sabe quando será isso”!, ainda tem mais doutrina bíblica e escatológica nesta letra de música. Observe o seguinte trecho musical:

Enquanto Ele não voltar/ eu vou viver mais e mais/ como quem espera o Salvador/ que virá/ Sim, virá!/ E me levará/ e te levará para o céu...

            Essa parte da música pressupõe a resposta que muitas pessoas no mundo de hoje estão perguntando: E nesse tempo de espera, qual deve ser o nosso comportamento, a nossa postura? Ou seja: O que devemos fazer enquanto Jesus não volta? E a cantora, musicalmente, responde: Enquanto Ele não voltar/ eu vou viver mais e mais/ como quem espera o Salvador/ que virá/ Sim, virá!/ E me levará/ e te levará para o céu...
            De fato, esse deve ser o nosso comportamento: Enquanto o Senhor Jesus não vem ainda, nós devemos viver mais e mais como quem espera o Senhor. E de que maneira deve ser essa espera?
 Aqui eu trago um trecho de uma outra música católica, desta feita, de autoria do Monsenhor Jonas Abib, fundador da Comunidade Católica Canção Nova, intitulada: Que santidade de vida!, para ajudar nesta linha de raciocínio:

Que santidade de vida!/ Que homens devemos ser/ Pois se tudo no céu e na terra/ O senhor chamará/ Que respeito para com Deus!/ Que luta devemos travar!/ No novo céu e na nova terra/ iremos morar/
Que é feito de sua promessa?/ Perguntam e zombam de Deus/
Mas o Senhor virá/ Ele não tardará/ Que eu seja santo, santo, santo/ Pois Deus é santo, santo, santo/ Que a santidade da minha vida/ apresse o Senhor e Ele logo virá.  
           
Essa é que deve ser a nossa postura:

“O Deus da paz vos conceda santidade perfeita. Que todo o vosso ser, espírito, alma e corpo, seja conservado irrepreensivelmente para a vinda de nosso Senhor Jesus!”
(I Ts 5,23)

            A Sagrada Escritura nos revela que somente os santos irão para o céu (Hb 12,14), sendo essa a nossa vocação primordial! E tanto a missionária Adriana quanto o monsenhor Jonas Abib, nos advertem que, enquanto Jesus não volta devemos viver mais e mais, em santidade, como quem espera o Salvador que, sem dúvida, virá para nos levar para o nosso lugar que é o céu!
 Observamos aqui o desejo cuidadoso, dos servos de Deus na música, de não somente pregarem o retorno de Jesus, mas o ensino de como deve ser a nossa postura enquanto Jesus não volta.
 Desta maneira, não temos uma pregação de pavor, de medo como acontece no protestantismo. A própria Adriana nos revela, usando fundamentos bíblicos, que será motivo de grande alegria pros que estão aguardando Jesus, quando Ele voltar, e não de medo:

 Sei que esse dia será/ motivo de grande alegria/ pois os que se entregam a Jesus de corpo e alma irão subir/ para a glória eterna/ ... 

            Esse trecho musical está em concordância bíblica. Pois foi justamente isso que o Senhor Jesus nos afirmou:

“Quando começarem a acontecer essas coisas, reanimai-vos e levantai a vossa cabeça: por que se aproxima a vossa libertação.”
(Lc 21,28)

2 comentários:

  1. Prazer em conhecer seu blog, muito claro as colocações sobre as músicas escatológicas. PARABÉNS!

    ResponderExcluir
  2. obrigado irmã! Reze pela RCC de Camocim.

    ResponderExcluir

Total de visualizações de página