Pesquisar neste blog:

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

LAVARAM E ALVEJARAM AS SUAS VESTES NO SANGUE DO CORDEIRO! Ap 7,14


          Por Cássio José
Membro da Rcc e da Catequese
Grupo de Oração: Renascer
     



     O último profeta do Antigo Testamento e o primeiro do Novo Testamento, João Batista, que o Catecismo da Igreja Católica nos diz que ele é Precursor, Profeta e Batista (CIC n. 717), aquele que batizou o próprio Messias, O Senhor Jesus, já dizia nas suas pregações a dois de seus discípulos, quando via Jesus passando: 
                  
Eis o Cordeiro de Deus.” (João 1,36). E a Palavra acrescenta que “os dois discípulos ouviram-no falar e seguiram Jesus” (Jo 1,37).

            Paulo - antes Saulo, perseguidor dos cristãos na época da Igreja primitiva. Respirando morte contra os discípulos do Senhor, pede cartas de recomendação para as sinagogas de Damasco, a fim de trazer presos para Jerusalém os homens e mulheres que encontrasse, adeptos do Caminho (At 9,1s). Quando vai a caminho para Damasco com todo o direito de prender e torturar os cristãos tem um encontro com o Senhor e se converte. Torna-se o maior missionário de todos os tempos depois de Jesus -, também escreve em suas cartas:

“Nesse Filho, pelo seu sangue, temos a Redenção, a remissão dos pecados, segundo as riquezas da sua graça” (Ef 1,7).

            Pedro, o primeiro Papa da Igreja Católica e líder da Igreja primitiva, nos declara que o sangue do Senhor Jesus, foi capaz de nos remir dos nossos pecados ao ser derramado na cruz. Sangue esse, puro e sem mancha. Escreve justamente isso em suas cartas para todos os cristãos do mundo inteiro:

“Porque vós sabeis que não é por bens perecíveis, como a prata e o ouro, que tendes sido resgatados da vossa vã maneira de viver, recebida por tradição de vossos pais, mas pelo precioso sangue de Cristo, o Cordeiro imaculado e sem defeito algum, aquele que foi predestinado antes da criação do mundo e que nos últimos tempos foi manifestado por amor de vós.” (I Pd 1, 17-18).

            Hoje, podemos bater no peito e exclamar: “Sou lavado e remido pelo sangue do Cordeiro de Deus!” Essa, é a nossa propriedade na fé, e convicção de que o nosso lugar é o céu e daqui não somos, por sermos estrangeiros aqui na terra, pelo fato de sermos concidadãos dos santos.

            Por estarmos aqui somente de passagem - os quatro últimos livros do Pentateuco nos ensinam que o povo israelita atravessou o deserto, mas não era o deserto a terra da qual deveriam morar e sim Canaã, a terra onde corre leite e mel; por que eles aspiravam a uma pátria melhor, isto é, à celestial (Hb 11,16) -, e sabendo Deus que este lugar que estamos é impuro e não pertence aos seus eleitos, fez questão de enviar o seu filho Jesus Unigênito ao mundo para nos salvar (Jo 3,16), humilhou-se e tornou-se obediente em sua missão de salvar o mundo inteiro indo até a morte e morte de cruz (Fl 2, 8).

               O sangue desempenha um papel importante nos sacrifícios (Lv 1-8). O sangue de Cristo, que é vida, transmite a vida (Jo 6,54-57; Mt 26,28; Jo 19,34s). O sangue é reparador e expiatório (Rm 3,25; 5,9; Ef 1,7; 2,13; Cl 1,15-20; Ap 1,5; 7,14; 22,14; Hb 9,14; 13,12).  

            Mas, o melhor é que além do Senhor ter morrido numa cruz e ter apagado os nossos pecados ele nos tornou mais brancos do que a neve (Sl 50,9). Você entendeu o mistério de Deus? Por isso que em inúmeras passagens bíblicas o Senhor Deus nos ordena pra que sejamos santos e perfeitos. Jesus disse no sermão da montanha que os puros de coração são bem-aventurados por que verão a Deus (Mt 5,8) e que devemos ser perfeitos assim como o Pia Celestial é perfeito (Mt 5,48). 

            O que a Bíblia nos revela é que somente os santos habitarão os céus (Hb 12,14).
           
Estamos nesse mundo impuro, mas devemos ser santos e sem mancha. Como isso é possível? É simples: sendo obedientes a Palavra do Senhor custe o que custar! Se não houver luta, não haverá prêmio. Se não houver renúncia de si mesmo e dos próprios pecados não haverá céu para os que não pensarem assim.

 Não é mais tempo de deixar a conversão para o dia de amanhã por que Jesus pode voltar ainda hoje! Não sejamos pegos de surpresa. É hora de odiar o pecado e as estruturas deste mundo. A Palavra de Deus nos diz que deste mundo nós não devemos nos conformar (Rm 12,2).

Haverá nos últimos dias um período de Grande Tribulação e quem não estiver fortemente alimentado com a Palavra de Deus e com o Poder do Espírito Santo de Deus cairá nas garras de Satanás. Hoje é o tempo da salvação. Agora mesmo, baixe sua cabeça e reconheça o senhorio de Jesus na tua vida e comprometa-se com o Senhor a ir a Missa em todos os domingos e procurar o sacerdote para se confessar de seus erros cometidos.

Deus te abençoe!
Façamos da nossa vida uma verdadeira entrega de sacrifício no altar nas situações do nosso dia-a-dia.   o estiver fortemente alimentado com a Palavra de Deus e com o Poder do Espdo-nos brancos coo er derramado na cruz:    

2 comentários:

  1. Linda a mensagem. Vai nessa tua força, meu amado jovem irmão; pregando as boas novas de salvação. Deus te recompensará ricamente.
    A paz do Senhor Jesus!

    ResponderExcluir
  2. Querido irmão, além de tomarmos posse dessa verdade, devemos anunciá-la para todas as demais pessoas. Assim, os cristãos deste tempo relmente serão libertos das trevas e pertencerão de fato ao Senhor Jesus!

    ResponderExcluir

Total de visualizações de página