Pesquisar neste blog:

segunda-feira, 30 de agosto de 2010

Cristianismo: Religião passou de perseguida a oficial no Império Romano


Independentemente de termos ou não uma crença religiosa ou da religião que praticamos, conhecer a origem do cristianismo é importantíssimo, pois essa doutrina tem influenciado a história da humanidade há 2.000 anos. As origens medievais das atuais nações européias são essencialmente cristãs.

Historicamente, os fatos que fundamentaram o cristianismo ocorreram durante o Império romano, nos últimos séculos da Idade Antiga, que se estendeu de aproximadamente 3.500 a.C. até 476 d.C.

O cristianismo surgiu a partir da doutrina dos homens que seguiram Jesus Cristo. Jesus foi um judeu que nasceu e morreu na região onde atualmente se situam a Jordânia e Israel, no Oriente Médio, território sob o domínio dos romanos no século 1.

sexta-feira, 27 de agosto de 2010

CULTURA DO FICA: PROSTITUIÇÃO SOCIALIZADA!




É comum e tornou-se natural, sobretudo entre a juventude, a atitude do “ficar”. Quando se vai a uma festa, nos intervalos da escola, nos passeios e andanças dos jovens por aí e até mesmo pelo msn, orkut, dentre muitas outras várias maneiras e sites de relacionamentos: marca-se o local, esquematizado e já bem pensado. Geralmente, algum amigo ou amiga foi o cupido do fica. Quantos jovens até gazearam para ficarem com alguém? E quantos católicos nos variados movimentos e pastorais da Igreja já ficaram com várias pessoas da própria Igreja? É! Até o templo (= a Igreja), que é moradia de Deus, no pensamento de muitos jovens é o local de encontro para que se marque com quem se quer “ficar”.

Drama dos mineiros soterrados no Chile: O tubo da esperança e a oração.

Quarta-feira, dia 25-08-2010, este conduto, de oito centímetros de largura, permite que se passem as primeiras mensagens e o alimento para os 33 mineiros bloqueados no fundo de uma mina chilena. A sua saída está longe de ser iminente. Estima-se que será somente em torno do Natal.

segunda-feira, 23 de agosto de 2010

A nova reforma Protestante

A nova reforma Protestante
Inspirado no cristianismo primitivo e conectado à internet, um grupo crescente de religiosos critica a corrupção neopentecostal e tenta recriar o protestantismo à brasileira
Ricardo Alexandre
Almeida Dias
 
EM CONSTRUÇÃO
Ilustração de um monumento em forma de cruz
Irani Rosique não é apóstolo, bispo, presbítero nem pastor. É apenas um cirurgião geral de 49 anos em Ariquemes, cidade de 80 mil habitantes do interior de Rondônia. No alpendre da casa de uma amiga professora, ele se prepara para falar. Cercado por conhecidos, vizinhos e parentes da anfitriã, por 15 minutos Rosique conversa sobre o salmo primeiro (“Bem-aventurado o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios”). Depois, o grupo de umas 15 pessoas ora pela última vez – como já havia orado e cantado por cerca de meia hora antes – e então parte para o tradicional chá com bolachas, regado a conversa animada e íntima.

Total de visualizações de página