Pesquisar neste blog:

quarta-feira, 25 de novembro de 2009

FORMAÇÃO: OS 13 ATRIBUTOS DE DEUS!

A tradição judaica interpreta o texto de Ex 34,6-7, como a revelação dos treze atributos de Deus, os quais se tornaram uma das principais orações do judaísmo. O Talmud ensina que Deus disse a Moisés: “Sempre que Israel pedir o Meu perdão, que mencione estas Minhas qualidades”. Esta prece só pode ser rezada quando houver pelo menos um Minian (o quorum mínimo para o início das orações na Sinagoga, isto é, dez homens).


Apresentamos a seguir o texto, com a tradução da Bíblia de Jerusalém e da Torá Hebraica.


Bíblia de Jerusalém

Iahweh passou diante dele, e ele proclamou:

“Iahweh! Iahweh...

Deus de ternura e de piedade,

lento para a cólera,

rico em graça e em fidelidade;

que guarda sua graça a milhares,

tolera a falta, a transgressão e o pecado,

mas a ninguém deixa impune

e castiga a falta dos pais nos filhos

e nos filhos dos seus filhos,

até a terceira e a quarta geração...”



Torá Hebraica

E passou a Divina Presença do Eterno diante dele e

proclamou:

“Eterno, Eterno,

Deus piedoso e misericordioso,

tardio em irar-Se

e grande em benignidade e verdade;

que guarda benignidade para duas mil gerações,

que perdoa iniqüidade, rebelião e pecado,

e não livra o culpado que não faz penitência;

visita a iniqüidade dos pais nos filhos

e nos filhos dos filhos,

sobre terceiras e quartas gerações.”

Os 13 atributos são classificados assim:

1-2) Ado-nai, Ado-nai: A repetição do nome do Eterno aqui significa que Ele é misericordioso com qualquer pessoa, no que diz respeito aos seus pecados e como pecador arrependido.


3) El: Deus Todo Poderoso que age de acordo com Seus sábios ditados.


4) Misericordioso como um pai para com seus filhos, prevenindo-os para não cair.


5) Benevolente e que ajuda aos caídos que não podem regenerar-se por si mesmos.


6) Paciente, espera que o pecador se arrependa.


7) Cheio de misericórdia com a pessoa correta e também com a incorreta.


8) Verdadeiro e direito em suas promessas.


9) Bondoso e misericordioso: considera os méritos dos pais nos filhos, ao menos por duas mil gerações.


10) Perdoa os pecados: cometidos premeditadamente.


11) Perdoa as ofensas e pecados cometidos com espírito de rebeldia.


12) Esquece os pecados cometidos involuntariamente.


13) Absolve o penitente.


http://www.abiblia.org/artigosview.asp?id=92

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Total de visualizações de página